primark.comCarreiras
Logótipo Primark
Primark

Notícias sobre a empresa

Comunicado da Primark no 10.º aniversário da tragédia do Rana Plaza

10 anos depois do Rana Plaza, uma atualização sobre o apoio prestado pela Primark desde o desastre e o nosso compromisso contínuo

Sempre levámos muito a sério a nossa responsabilidade para com os trabalhadores que fabricam os nossos produtos e ficámos profundamente chocados e tristes com a tragédia do Rana Plaza. Para além do programa de indemnização que iniciámos para centenas de trabalhadores dos nossos fornecedores na sequência do sucedido, prestámos apoio financeiro a longo prazo - ambos num total de mais de 14 milhões de dólares - e apoiámos também centenas de vítimas através do nosso programa Pashe Achi. 

Continuamos empenhados no Bangladesh e na implementação de ambientes de trabalho seguros na nossa cadeia de fornecimento, através da nossa adesão de longa data ao Acordo, monitorização contínua do nosso Código de Conduta dos Fornecedores e programa de segurança de edifícios da Primark, que funciona atualmente em cinco dos nossos mercados fornecedores, incluindo o Bangladesh. Temos mais de 130 membros da equipa a trabalhar localmente em 12 países, o que inclui todos os nossos principais mercados fornecedores, que desempenham um papel vital no controlo do cumprimento das nossas normas.

A resposta imediata da Primark ao Rana Plaza

Imediatamente após a tragédia, a nossa equipa no terreno no Bangladesh trabalhou com parceiros locais para fornecer ajuda alimentar de emergência a mais de 1265 famílias. 

Ajuda financeira e indemnização concedidas pela Primark

  • Prestámos ajuda financeira de curto prazo a 3621 trabalhadores e/ou às suas famílias, o equivalente a nove meses de salário, independentemente de trabalharem ou não na fábrica do nosso fornecedor.

  • Nos meses que se seguiram à catástrofe, desenvolvemos um programa de compensação a longo prazo para os trabalhadores das fábricas dos nossos fornecedores, ou para os seus dependentes, trabalhando com parceiros locais, incluindo a Universidade de Dhaka, e em colaboração com a Organização Internacional do Trabalho (OIT). A compensação a longo prazo totalizou 11 milhões de dólares e foi atribuída a 672 pessoas. Também contribuímos com 1 milhão de libras para o Rana Plaza Donor Trust Fund (Fundo Fiduciário de Doadores do Rana Plaza) da OIT e fornecemos educação financeira e apoio não financeiro adicional para ajudar as pessoas a gerirem as suas compensações.

Apoio não financeiro através do nosso programa Pashe Achi, que significa "ao seu lado"

  • Atualmente, alguns dos beneficiários mais vulneráveis e antigos trabalhadores da fábrica dos nossos fornecedores continuam a receber apoio não financeiro através do nosso programa Pashe Achi, uma colaboração com a Universidade de Dhaka e outros peritos. Presentemente, 142 beneficiários continuam a ser apoiados através deste programa. O programa visa reforçar a confiança e o conhecimento das pessoas afetadas pela tragédia, para que possam gerir a sua compensação financeira. Também recebem aconselhamento sobre como aceder a serviços de saúde e apoio jurídico através de contactos regulares e de uma linha de apoio 24 horas por dia.

O nosso Programa de Integridade Estrutural

  • Também criámos o nosso próprio programa de segurança de edifícios (conhecido como o nosso Programa de Integridade Estrutural) em 2013, no Bangladesh, para avaliar a segurança de todas as fábricas dos fornecedores relativamente às normas internacionais, e que atualmente continua a ser fundamental para o nosso programa de monitorização das fábricas dos fornecedores. Se forem identificadas áreas que necessitem de melhorias, trabalhamos com os fornecedores e as suas fábricas - em colaboração com uma equipa de engenheiros estruturais e civis de empresas de engenharia internacionais - para fornecer apoio técnico e orientação. O nosso Programa de Integridade Estrutural foi alargado ao Paquistão, em 2015, a Myanmar e ao Camboja, em 2019, e à Índia, em 2022, e a nossa ambição é implementá-lo em todos os nossos mercados fornecedores.

O Acordo Internacional (anteriormente o Acordo sobre Segurança contra Incêndios e em Edifícios no Bangladesh

  • Fomos também um dos primeiros signatários do Acordo de Bangladesh, de 2013. Tendo em conta que o Acordo procura levar mais longe as lições aprendidas no Bangladesh, foi com agrado que assinámos o seu alargamento ao Paquistão, em 2023.

O nosso Código de Conduta e Compromisso Permanente

  • Todos os fornecedores com quem trabalhamos nos nossos mercados fornecedores, no Bangladesh e noutros locais, têm de cumprir o nosso Código de Conduta. Estas são normas éticas não negociáveis que esperamos que os nossos fornecedores respeitem nas fábricas que utilizam para produzirem para a Primark.

  • Todas as fábricas de primeira linha da cadeia de fornecimento aprovada pela Primark são auditadas, pelo menos, uma vez por ano, na sua maioria sem aviso prévio - e, em alguns casos, mais frequentemente - para verificar a conformidade com o nosso Código de Conduta. Se forem levantadas quaisquer questões durante estas auditorias, serão feitos todos os esforços para as resolver. Em 2021, realizámos 2400 auditorias, quer por nós próprios, quer através de terceiros contratados para o efeito.

  • Durante 15 anos, continuámos a investir no crescimento do nosso Programa de Comércio Ético e Sustentabilidade Ambiental e da nossa equipa. O nosso Código de Conduta é a base deste programa. Temos mais de 130 membros da equipa a trabalhar localmente em 12 países, o que inclui todos os nossos principais mercados fornecedores. Desempenham um papel vital no controlo do cumprimento dos nossos padrões.

2023 © Primark Stores Limited